Rosana Machado: A alma das crianças, seus desafios e atributos divinos


“Na Família as Crianças são Luz, assim como nós para Deus” 

Você convive com criança?

Consegue reconhecer quais são os atributos da Criança Divina?

Em um mundo que valorizou de forma excessiva a aparência, despertamos hoje para outras realidades.E consequentemente, recebemos mais recursos para viver nossos desafios.

Atualmente, estamos integrando a vida nas dimensões do corpo, mente e espírito. Ampliamos nosso olhar para a vida e também, entendimento do que é doença.

Quando adoecemos, ou enfrentamos uma dificuldade, quem comunica as dores, a cura e também o caminho da iluminação é a nossa “criança interna”.

De que maneira?  Através do amor que cura; não existe impedimentos ou fronteiras, transforma e acolhe. Observe:  as dificuldades, são cegueiras; são a escuridão em nós que convidam vir à luz, à consciência. Você já observou que os Mestres, os Seres Iluminados estão juntos de Deus?  Assim também somos nós!

Ao ampliarmos nossa consciência, expandimos a compreensão da vida e as situações de desarmonias, como doenças, perdas, separações nos vínculos deixam de ser ameaças. São vistos como experiências que constroem nossa evolução.

Neste olhar, reconhecemos que a morte não é o fim, e podemos ver o envelhecimento como um processo natural do corpo físico, que está relacionado a nossa consciência e as crenças que desenvolvemos.

Incluir o sagrado nos desafios e no cotidiano é experimentar a vida sem drama ou como refém dos acontecimentos, se vitimando.Aliás, é necessário considerar que não existe envelhecimento pois, pessoas felizes tornam-se sábias e no decorrer da vida não abandonam a criança interna com sua essência.Este olhar já é uma mudança de paradigma, enxergamos de forma ampla e profunda conseguindo nos ver juntos de Deus.

Precisamos nos olhar através dos olhos de Deus e acolher as crianças e também, nossa criança interna com esta sabedoria.

Quando a criança precisa de ajuda ?Esta é uma pergunta frequente, simples e profunda. Quando existe um estado de infelicidade onde há um sinal de desamparo ou desconexão com o Pai.A criança é um ser feliz, ela consegue se ligar ao essencial, mas precisa também dos adultos para conduzi-la. Criança precisa  dos pais, da família, da escola.

Os Pais conduzem os Filhos que são ensinados para se desenvolverem plenamente, não o contrário.

Precisamos permitir que a pureza, a espontaneidade, a alegria, a criatividade, a imaginação, a presença, a fé, a transparência, e a inocência tenham voz nas nossas relações e no mundo. Estas expressões compõem os atributos da Criança Divina e convidam na construção de relações mais integradas que caminham muito além de um pensamento de terceira dimensão, um pensamento linear.

Atualmente as Crianças nascem com olhar sistêmico e experimentam a multidimensionalidade, às vezes, sem se sentir acolhida ou compreendida.

A sensibilidade é a linguagem da alma, e também das crianças que estão habitando o nosso planeta neste momento!

As escolas estão inadequadas, muitos pais estão confusos e as crianças se sentindo despreparadas ou desamparadas.  Incluir a comunicação energética em nosso cotidiano e de primordial importância.   Esta experiência auxilia a comunicação com a alma e com os aspectos que foram excluídos no momento em que nos distanciamos da natureza.

Também é necessário expandir o olhar e aprofundar com a experiência da sincronicidade, onde olhamos para uma coincidência significativa, compreendendo que o acaso não existe.

Quando nos separamos da natureza, nos separamos de Deus.  Surgiu o materialismo como oposição da fé. Atualmente a ciência se movimenta para integrar está compreensão.

Percebemos que o Universo se expressa com equilíbrio onde o que está dentro também está fora…. Por exemplo a semente está na flor assim como a flor está na semente.

Em contato com a natureza, presenciamos a grandiosidade da vida, o amor transcendente no convite de conhecermos nossa essência verdadeira estabelecendo a ligação que foi distanciada na reconstrução de Deus em nós e nós em Deus.

Qual o convite?

Construir o céu na terra, experimentando os milagres que nos envolvem diariamente.

Nossas crianças compõem essa Luz, são crianças estrelares que já estão trabalhando plantando sementes douradas em nosso Planeta.

Precisamos nutri-las em amor e abençoa-las.

Todos juntos somos a construção da rede cristalina em total conexão com o coração pulsante da fonte da Vida!  Somos Vida, Amor e Luz!

Rosana Machado
Site: www.rosanamachado.com.br

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *